Bem vindos ao Paginário

Uma coleção de páginas para partilhar o quotidiano, o imaginário, a criatividade e o artesanato de uma família aprendiz de e apaixonada pela Slow Life, pela Transição e Permacultura e empenhada na Sustentabilidade e na Cidadania Ecológica.

Poesia Visual

 52051

A delicadeza da ilustração de Annie French é pura Poesia Visual.

Annie French (1872-1965) não pertence propriamente à geração da Idade de Ouro da Ilustração, mas sim à geração seguinte que se inspirou nas suas pisadas. Annie French foi uma das "Glasgow Girls" influenciada pelo "Glasgow Style" característico da Escola de Arte de Glasgow. Nesta escola floresceu e destacou-se um grupo surpreendente de artistas femininas que constituiu uma novidade para a época.

Embora as obras dos artistas da Escola de Glasgow partilhem de muitos traços comuns, cada um definiu o seu estilo muito próprio. O estilo de Annie French é particularmente poético e etéreo. Adoro a comunhão com a Natureza que emana das suas composições. Não parece existir uma fronteira definida entre a figura humana e a Natureza, que se fundem numa mistura de padrões e motivos florais. A paleta de cores é delicada e surpreendentemente forte em simultâneo. Gosto particularmente do uso dos azuis na sua obra. Não são só os motivos florais que contribuem para a criação de um ambiente feérico. O recurso a um efeito de confettis em muitas das suas ilustrações transporta essas obras para uma dimensão onírica. A essa dimensão junta-se a elegância inegável das suas figuras humanas com uma expressão facial e uma postura corporal tão delicadas que transmitem uma doçura e uma serenidade contagiantes.

Quando me apetece trazer arte, beleza, delicadeza e doçura ao meu dia, mergulho alguns minutos no Pinterest e deleito-me a apreciar as obras de Annie French. São tão belas que não merecem cair no esquecimento. Algumas das suas obras podem ser vistas na Scottish National Gallery of Modern Art.


 

 

Comentários

  • Nenhum comentário encontado

Deixe os seus comentários

0