Diário de bordo

"Listen to what life calls you to do" - Otto Scharmer 

WhatsApp Image 2019 04 19 at 134856

A vida é feita de muitas fases, de muitas circunstâncias e nem sempre temos a disponibilidade que desejamos para manter a horta e o jardim perfeitamente "arranjados" e "bonitinhos" segundo os canônes da nossa sociedade atual, onde a Natureza é encarada apenas como algo a manter sob o jugo humano.

vlcsnap 2020 04 29 22h59m36s487

Criámos uma nova galeria na área Guardiães do Quintal. A Câmara Discreta é a nossa forma de irmos identificando, registando e partilhando as descobertas sobre os pequenos seres com quem partilhamos o quintal. Somos exploradores da Natureza à nossa porta! E é maravilhoso.

 

Eva Cartonera. Uma editora nada convencional que nos enche a alma. Ainda mal tivemos oportunidade de nos embrenharmos nos seus projetos, mas só ter-nos dado a descobrir o movimento cartonero já foi uma dádiva e tanto.

A convite de uma amiga, por agora participámos apenas com esta leitura de um excerto de O Retrato de Dorian Gray, mas logo que nos seja possível queremos mesmo pôr as mãos na massa numa oficina cartonera. Desde a máquina de escrever, à ilustração, à encadernação... porque criar o objeto livro é tão estimulante como usufruir do seu conteúdo!

Créditos: Vídeo de Sumon Error em Pexels

Sementeira de abobora4m

Devagar, devagarinho, regressamos ao quintal e à horta... tem sabor de regresso a casa. É mesmo hora de regressar. Cuidar da Terra e das Pessoas passa pelo nosso pequeno quintal. Sementeira de abóbora Hokaido.

 

Há quase dois anos que não publicamos no blog. Há quase dois anos que parámos o projeto Tecedeira.

Foram dois anos muito intensos, com muitas atividades e muitas mudanças na nossa vida e no nosso íntimo. Depois de termos aprofundado cada vez mais o nosso conhecimento sobre o descalabro ambiental e os intensos desequilíbrios ecológicos em curso, tornou-se impossível continuarmos como se nada fosse.

Estamos a construir um novo projeto, mais alinhado com a nossa consciência atual e com a necessidade de um desenvolvimento sustentável.

Gostamos muito de criar e de artesanato, mas decidimos abordar esta paixão numa perpetiva do Desperdício Zero e da Economia Circular. Não queremos continuar a explorar recursos que são cada vez mais escassos, nem promover o consumo inconsciente (consumismo).

Queremos fomentar a reutilização e o restauro como ferramentas para um consumo mais consciente e para uma economia mais realista e respeitadora dos limites físicos do nosso Planeta. Queremos também aproveitar a oportunidade para valorizar a reutilização e o restauro enquanto arenas de criatividade, bem-estar e regeneração.

Revelaremos mais sobre este projeto em breve. Entretanto, damos por encerrado o projeto Tecedeira.

Até já.