Horta e Jardim


"It is a wholesome and necessary thing for us to turn again to the earth and in the contemplation of her beauties to know the sense of wonder and humility." - Rachel Carson

Câmara discreta

Almirante-vermelho (Vanessa atalanta)

Data do registo: 17.05.2020

Temos algumas sebes de arbustos da variedade Ligustros da Califórnia (Ligustrum ovalifolium).

Só os podamos depois de florirem, porque no mês de maio, as suas flores fornecem alimento a uma enorme variedade de polinizadores.

São muito apreciadas pelas borboletas Almirante-vermelho em particular. Parecem adorar estas flores. Durante este período andam sempre 3 ou 4 borboletas destas em simultâneo nos arbustos, enquanto lhes dá o sol. Mais uma vez, a janela do atelier dá-nos uma vista privlilegiada para este espetáculo. Gratidão.

As cores das borboletas Almirante-vermelho são muito interessantes. Servem as necessidades de camuflagem deste inseto. As cores vivas da parte superior das asas ajudam-na a passar desapercebida quando voa pelos campos floridos. Quando poisa em zonas rochosas e pedregosas fecha as asas e ficam visíveis as cores ocre e cinzento da parte inferior, permitindo-lhe integrar-se na paisagem e "fintar" os predadores.